segunda-feira, outubro 25, 2004

O que é uma Kipah ?


Kipah, em hebraico, origina-se da palavra cúpula e abóbada. É uma espécie de gorro que cobre a cabeça dos homens.

Desde os dias de Moisés uma das características que distinguem o povo judeu tem sido o costume de cobrir a cabeça.
É expressamente proibido entrar numa sinagoga, mencionar o nome de D'us, recitar uma bênção, estudar a Torah ou realizar qualquer acto religioso de cabeça descoberta.

De onde veio o costume? O conceito do Kipah foi realmente estabelecido como uma parte do vestuário judaico para ser usado nas orações. D'us foi cuidadoso em deixar claro para Moisés que o povo necessitava de um mediador para que pudesse ter comunicações com Ele.

Embora esse costume fosse originalmente aplicável somente ao sacerdote, mais tarde, na história, um número de pessoas da comunidade judaica começou a usar a Kipah. A suposição era que se para os sacerdotes era exigido cobrir suas cabeças, então deveria ser apropriado para todos os homens usar esse sinal de submissão.

Por outro lado o homem deve ter a cabeça coberta para mostrar humildade ao orar. O cobrir a cabeça é uma lembrança para Israel que há alguém cuidando dele, lembrando que há alguém acima de nós, que nos acompanha e observa nossos actos.

Os judeus sempre caminham em submissão e humildade ante o Senhor que está sempre cuidando deles.

3 Comments:

At 5/06/2007 1:15 da manhã, Blogger Jahyr said...

Apreciaria muitíssimo se o Senhor pudesse precisar uma data onde os judeus começaram a usar o kipah.

Também li a sua afirmação que os sacerdotes foram instruidos por Moises a so orar de cabeça coberta. Onde se acha a respectiva referência na Torá?

Imensamente agradecido pela atenção, subscrevo, Jahyr

 
At 5/06/2007 1:16 da manhã, Blogger Jahyr said...

Bem, meu enderêço para resposta é: ambotezai@yahoo.com.br

Se me avisarem da resposta ou me enviarem a resposta para o meu enderêço de e-mail fico grato.

 
At 2/29/2012 6:59 da tarde, Blogger Sefradita said...

Ser judeu é um estado de espírito algo que nos chama.
Ao aceitar a forma de vida sua conduta e abrir seu coração a um povo tão perseguido e humilhado por ser submisso a Deus, você meu amigo(a) é judeu.

 

Enviar um comentário

<< Home